Como parar de roncar 4 dicas para resolver

Se você ronca, com certeza não foi o primeiro a saber. Se você quer saber como parar de roncar, saiba que existem formas de fazer isso.

Leia e saiba tudo sobre como fazer alguém parar de roncar!

Confira também: Câncer bucal

Antes de tudo, o que é o ronco?

O ronco é conhecido como “respiração barulhenta”, que acontece enquanto o indivíduo está adormecido. No geral, é algo muito comum e que acomete uma grande quantidade de pessoas, embora seja mais comum em pessoas que possuem os fatores de risco, que você vai conhecer.

Ele ocorre quando há um turbilhonamento de ar que atravessa a orofaringe (região que fica atrás da língua), fazendo com que os tecidos da boca, nariz e garganta vibrem, provocando esse efeito sonoro que incomoda muita gente.

Roncar de vez em quando não é um problema sério de saúde, apesar de ser um grande incômodo para o parceiro(a). Porém, se você é uma pessoa que ronca com frequência, saiba que você está prejudicando a sua qualidade do sono e, consequentemente, a própria saúde.

Nesses casos, se você quer saber como para de roncar, a ajuda especializada é mais do que bem-vinda.

Como parar de roncar: quais os fatores de risco?

Como você viu anteriormente, o ronco acontece quando o fluxo de ar da boca e do nariz é bloqueado. Portanto, se você não sabe como fazer para parar de roncar, saiba que é muito importante estar atento aos fatores de risco, que podem ser a causa do distúrbio. Confira alguns:

  • Bloqueio das vias nasais

Alguns indivíduos produzem o som do ronco por possuírem alergias ou quando sofrem de infecção sinusal. Outros problemas no nariz, como o desvio de septo ou pólipos nasais também podem causar o bloqueio das vias e, consequentemente, fazer roncar.

  • Tecido volumoso na garganta do indivíduo

A obesidade é um dos principais fatores para a ocorrência do ronco. Estar acima do peso faz com que o tecido da garganta fique mais volumoso, o que obstrui a passagem do ar.

  • Consumo de álcool e drogas

O uso de bebidas alcoólicas e de drogas como os relaxantes musculares fazem com que os músculos da língua e da garganta relaxem, fazendo com que a passagem de ar se feche e cause o ronco.

  • Posição ao dormir

Dormir com a barriga para cima faz com que a língua “caia” sobre a garganta, reduzindo o fluxo aéreo no local.

  • Idade

Quanto maior a idade, mais flácida fica a musculatura do pescoço, permitindo que os tecidos vibrem com maior facilidade.

  • Apneia do sono

Como a apneia do sono é um distúrbio caracterizado pela obstrução parcial ou total das vias respiratórias, ela também é responsável pelo ronco.

Como parar de roncar 4 dicas para resolver

Como fazer uma pessoa parar de roncar: diagnóstico

O diagnóstico do ronco frequente é dado, na grande maioria das vezes, por familiares e pelo parceiro(a), sendo muito importante que o indivíduo procure ajuda médica assim que souber que sofre do problema.

Na consulta, o profissional fará exames para entender quais fatores de risco são responsáveis por bloquear as vias aéreas. Entre eles:

  • Testes de imagem

Pode ser solicitado raio-X, ressonância magnética ou até uma tomografia computadorizada para detectar os possíveis problemas.

  • Estudo do sono

Pode ser necessário realizar um exame para estudo do sono chamado polissonografia, que mede a frequência cardíaca, a respiração e atividade cerebral enquanto o indivíduo dorme. Ela é capaz de indicar se a pessoa sofre de algum distúrbio que pode causar o ronco, como a apneia do sono.

Como parar de roncar: tratamento

Após diagnosticar algum problema que pode ocasionar o ronco, o médico pode solicitar o início do tratamento, que podem incluir:

  • Mudanças no estilo de vida

Como você pôde ver, muitos fatores de risco para a ocorrência do ronco possuem relação com o estilo de vida do indivíduo. Portanto, praticar exercícios físicos, adotar uma alimentação saudável e parar de consumir bebidas alcoólicas são essenciais para quem quer saber como parar de roncar durante a noite.

  • Utilização de aparelhos intraorais

A utilização de um aparelho ortopédico intraoral, que avança a mandíbula enquanto o paciente dorme, mantendo as vias aéreas abertas, o que evita o ronco.

  • Cirurgia

Em casos mais graves, pode ser solicitada uma cirurgia para remover ou encolher tecidos da garganta ou tornar o palato mole mais rígido.

  • CPAP

Se o caso do paciente for apneia do sono, pode ser necessário utilizar uma máquina de pressão positiva contínua nas vias aéreas, chamada de CPAP, para tratar o distúrbio.

Como parar de roncar 4 dicas para resolver

Como parar de roncar: dicas para evitar

Além das opções indicadas por profissionais, existem algumas soluções caseiras que podem ajudar a diminuir a incidência do ronco. Confira:

  • Procure dormir de lado, evitando a posição que é conhecida por causar o ronco;
  • Levante a cabeceira da sua cama alguns centímetros;
  • Utilize tiras elásticas, que grudam na ponte do nariz, com o objetivo de ampliar as narinas;
  • Você pode utilizar descongestionantes para abrir as vias aéreas. Porém, não os use por mais de três dias sem falar um profissional.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Precisa de ajuda?